Bosque da Memória é implantado em Ivorá em comemoração aos 33 anos do Município

O ato de implantação do “Bosque da Memória” e abertura da “Semana do 33° Aniversário Político Administrativo do Município de Ivorá” foi realizado na terça-feira, 04.

Conforme a dirigente do Núcleo Municipal de Cultura, Desporto e Turismo, Edicléia Cherobini, o “Bosque da Memória” é  uma parceria entre a Administração Municipal de Ivorá; a Organização Não Governamental (ONG) Mira Serra e o Núcleo de Estudos em Áreas Protegidas/Universidade Federal de Santa Maria NEAP/UFSM e  tem por objetivo plantar árvores e recuperar florestas, como um gesto simbólico de homenagear as vítimas da Covid-19 e as 242 vidas perdidas na Boate Kiss e aos profissionais de Saúde no Brasil. “A Campanha Bosques da Memória, além de buscar a transformação desse momento de tristeza e devastação em esperança na Mata Atlântica, marca o início da década de restauração de sistemas 2021/2030, declarado pela Organização das Nações Unidas (ONU)”, explicou Edicléia, acrescentando, que em Ivorá o Bosque da Memória estará localizado junto ao Monte Grappa.

Em seu discurso, a presidente da ONG Mira Serra, Lisiane Becker; afirmou que o Município de Ivorá está de parabéns pela beleza única. Ela lembrou que 17 estados brasileiros possuem território da Mata Atlântica; sendo que no Rio Grande do Sul, somente Torres, Rio Grande e Ivorá, “Estamos criando este Bosque para recuperar as tristezas. Meio Ambiente e vida humana andam juntos”, destacou.

A professora da UFSM, Suzane Marcuzo,  lembrou que o Monte Grappa já é reconhecido pelos próprios imigrantes italianos como um local de busca de bem estar espiritual. “Este sentimento de busca de paz temos até hoje e, com a implantação do Bosque da Memória, muito mais pessoas virão em busca de lazer com a família. Estas áreas são pérolas, são áreas que nos remetem ao bem estar das pessoas. Iremos receber pessoas de toda a Região, que já vem pelas  belezas naturais, como o Monte Grappa e as belas cascatas”, disse a professora, acrescentando que o plantio das mudas é uma forma de renascimento das pessoas.

O prefeito de Ivorá, Saulo Piccinin, destacou o momento como muito especial para o Município, que comemora, no dia 09 de maio, os 33 anos. Agradeceu a parceria entre as entidades, na criação do “Bosque da Memória”. “Apesar deste momento complicado que o mundo vive em função da Pandemia, agradecemos por estarmos à frente do nosso Município  e, esperamos que num futuro próximo possamos convidar as pessoas para visitarem Ivorá e que possamos todos nos abraçar novamente”, finalizou o chefe do Executivo Ivorense.

Após a Solenidade, os presentes plantaram algumas mudas de árvores como Jaboticaba, Pitanga, Cerejeira e Araçá.

Participaram também, do evento, o vice-prefeito, Jordano Moro; os secretários municipais; Cibele Facco, mãe de uma das vítimas da Boate Kiss - a jovem Luana, entre outros. Cibele estava representando a Associação de Pais da Kiss.

ÁRVORES  E 33 ANOS DE IVORÁ “Cada árvore vai representar uma vida que se foi, ao mesmo tempo em que também vai representar a continuidade do que essas pessoas representaram. É uma forma, ainda, das famílias serem confortadas, porque muitas nem puderam se despedir. Com o plantio, as famílias vão poder acompanhar o crescimento das árvores. Traz uma esperança para quem está enlutado, podendo ajudar a superar esse momento. Nesta Semana do Município, trazemos como Lema “Neste Torrão Renasce a Esperança”, Com isso queremos dizer que cada árvore plantada significa a vida renascendo.  Enquanto o mundo enfrenta a grave crise da Covid-19 e os crescentes desafios ambientais, há também quem esteja lutando para restaurar o Meio Ambiente enquanto honram a memória de seus entes queridos. O momento é delicado, somos colocados a prova orgulha em ser estamos aqui para homenagear pessoas especiais em nossas vidas e que partiram”, Edicléia.

DONA EMA - Sendo a dona, Ema Filipin Moro, a primeira vítima da Covid-19, no Município de Ivorá e, justamente, no momento da implantação do Bosque da Memória, foi plantada uma muda de árvore em nome  de dona Ema.

Mais fotos

Veja abaixo como entrar em contato conosco

Digite o código acima para validação *

Endereço / Como chegar

Rua Garibaldi, 1098
Ivorá/RS
Bairro Centro
CEP 98160-000


Fale Conosco

Fone.: (55) 3267-1100
E-mail: gabinete@ivora.rs.gov.br